quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Deixe-o cair





  Um monge levou a seu mestre dois vasos de plantas.
   "Deixe-o cair", ordenou o mestre.
   O monge soltou um vaso.
   "Deixe-o cair", ordenou novamente o mestre.
   O monge soltou o outro vaso.
   "Deixe-o cair", gritou o mestre.
   "Mas não há mais nada para deixar cair", gaguejou o monge.
   "Então, leve-os daqui".




Texto retirado do livro Pocket Zen
Imagem: nature.morte.  Matisse
Postar um comentário