terça-feira, 27 de julho de 2010

Mais um dia


Mais um dia, somente mais um dia.
Nada para ser construído, nada.

Nada para ser destruído, nada.

Apenas o simples fato de viver.

Somente vida.

Com nascimentos.

Com envelhecimentos.

Com mortes.

Com sofrimentos.

Isto é a vida.

Respirar, atenção.

Respirar, viver.

Respirar, compaixão.

Postar um comentário